Sexta, 20 de Setembro de 2019

OBRAS

Financiamento de mais de R$580 milhões beneficiará infraestrutura de todas as cidades do Tocantins

Parceria entre governo do Tocantins e Caixa foi anunciada nesta segunda-feira, 26 de agosto

Washington Luiz/Governo do Tocantins
post


27 agosto, 2019 às 12:10

Com o objetivo de melhorar a infraestrutura do estado e oferecer melhores serviços aos cidadãos, o governo do Tocantins anunciou nesta segunda-feira, 26 de agosto, dois financiamentos da Caixa Econômica Federal no valor total de R$583 milhões que beneficiarão os 139 municípios do estado. Uma parte, no valor de R$ 453 milhões, será destinada a obras estruturantes. Segundo o governo, cada município receberá, pelo menos, R$ 1,02 milhão cada. Já o outro valor, de R$ 130 milhões, terá como destino a construção da nova ponte de Porto Nacional. 

Até o dia 27 de setembro, as gestões municipais devem apresentar à Secretaria da Fazenda e Planejamento (Sefaz) os projetos detalhados com a indicação das obras a que os recursos serão destinados. O governador do Tocantis, Mauro Carlesse, assinou o decreto 5.893 designando a Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) a firmar cooperação técnica com os municípios para a execução dessas obras, visto que a maioria está relacionada à pavimentação ou recuperação de vias. 

Algumas obras específicas já serão contempladas pelo financiamento, tais como o Hospital Geral de Gurupi, as rodovias ligando Gurupi ao Trevo da Praia (TO-365), a pavimentação da rodovia ligando Lagoa da Confusão à Barreira da Cruz (TO-225), a duplicação da rodovia ligando Araguaína ao Novo Horizonte, a pavimentação da TO-243 ligando Araguaína ao povoado Mato Verde, reforma do ginásio Ercílio Bezerra, em Paraíso do Tocantins e do estádio Castanheirão, em Miracema, e a viabilização de obras como a construção de unidades habitacionais, e complementação de obras do programa Pró-Transporte.

O governador do estado destacou que a documentação e os projetos não terão custos aos municípios, pois tem seu pagamento previsto dentro dos recursos destinados a cada cidade. "Chegou a hora de chamar os prefeitos para eles apresentarem os projetos que vão ser executados nos seus municípios. Dentro de 40 dias temos que dar andamento para fazermos as licitações. Nosso objetivo é melhorar a vida das pessoas nos municípios e gerar empregos", pontuou Carlesse.