Segunda, 15 de Julho de 2024

Governador Wanderlei Barbosa cumpre agenda em Portugal e Amélio Cayres assume temporariamente

Chefe do Executivo discutirá questões fundamentais para o aprimoramento e a eficiência na gestão pública, durante Fórum de Lisboa

(Crédito fotos: Márcio Vieira/Governo do Tocantins)
post
Ivan Trindade/Governo do Tocantins

25 junho, 2024 às 08:30

O governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, estará em missão oficial na Europa no período de 25 de junho a 3 de julho. Acompanhado da primeira-dama e secretária extraordinária de Participações Sociais, Karynne Sotero, além de equipe técnica, o chefe do Executivo participará do 12° Fórum de Lisboa, em Portugal, para debater, com líderes dos três poderes do Brasil e autoridades internacionais, questões fundamentais para o aprimoramento e a eficiência na gestão pública.

Pela linha de sucessão, na ausência do governador, o posto deve ser assumido pelo vice Laurez Moreira. Entretanto, durante esse período, ele também estará em viagem internacional. Logo, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Tocantins (Aleto), o deputado Amélio Cayres, assume o posto como governador em exercício. 

O governador embarcou rumo ao seu compromisso no exterior, na tarde desta segunda-feira, 24. Antes da viagem, ele comentou que irá manter os trabalhos em prol do Estado neste ínterim. "Vamos continuar conversando, atentos ao que o Estado precisa, mesmo durante este período. Neste tempo que o Amélio Cayres ficar, claro, ele tem a liberdade de andar pelo Estado, de inaugurar obras e de fazer aquilo que é necessário", conferiu Wanderlei Barbosa. 

Já o presidente da Aleto e agora governador em exercício, Amélio Cayres, ressaltou que assume a gestão de forma interina com muita tranquilidade. "Já vivíamos institucionalmente em harmonia, na Assembleia Legislativa, com esse ex-deputado e grande governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa. Com muita honra e muita humildade, assumo neste momento o cargo, mantendo essa tranquilidade que o Governo do Tocantins vem proporcionando a todos os tocantinenses", comentou.

O comunicado oficial da viagem será publicado na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta segunda-feira, 24. 

Fórum de Lisboa

O evento era conhecido como Fórum Jurídico de Lisboa. No entanto, agora em sua 12ª edição, passou a chamar-se Fórum de Lisboa, em razão de uma série de eventos que ocorrem ao longo do ano, no Brasil e em Portugal. Neste ano, o encontro tem como tema: Avanços e recuos da globalização e as novas fronteiras: transformações jurídicas, políticas, econômicas, socioambientais e digitais; e ocorrerá em Lisboa, capital da Portugal, entre 26 e 28 de Junho, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. 

Durante esses dias, autoridades, especialistas, acadêmicos e representantes da sociedade civil do Brasil e da Europa irão se reunir para dialogar sobre como a globalização tem impactado as relações entre estados, instituições, empresas e povos.

O Fórum é organizado pelo Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP); pelo Lisbon Public Law Research Centre (LPL) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa; e pelo Centro de Inovação, Administração e Pesquisa do Judiciário da Fundação Getúlio Vargas (FGV Justiça).