Segunda, 25 de Maio de 2020

Turismo

Turismo no Tocantins gera quase 500 novas vagas de emprego em 2019

Percentual de crescimento chegou a 185% de acordo com dados de pesquisa

Foto: Thiago Sá
post


11 março, 2020 às 11:51

Segundo uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) baseada nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Brasil registrou alta em 2019, superando os número de 2018. O mesmo cenário aconteceu no Tocantins, onde, em 2019, foram criadas 499 novas vagas de emprego. Isso significa um crescimento de 185% em relação ao ano anterior.


No Tocantins, em 2018, o número de novas criadas foi de 175. Já em 2017, a quantidade havia sido negativa de -137 novas vagas. Nacionalmente, o crescimento foi de 35.692 novos postos de trabalho, configurando aumento de 163,6% em relação às vagas de 2018. A elevação não compensou, entretanto, o déficit registrado entre 2015 e 2017.


De acordo com o economista da CNC, Antonio Everton, a evolução do setor no que se refere à empregabilidade tem acompanhado o dinamismo do mercado de trabalho em geral. “Dos grupos desse segmento, o único a revelar diminuição das contratações foi Transporte de Passageiros, em decorrência das demissões dos modais ferroviário e rodoviário”, explica o especialista, sublinhando que a região Sudeste também exerce liderança na abertura de postos de trabalho do setor.


Outro dado da pesquisa é que mesmo aumentando o número de vagas de emprego no estado, o faturamento caiu conforme mostra o ICV-Tur – índice da pesquisa elaborada pela CNC, em parceria com a Cielo. Conforme o índice, o faturamento do setor em 2019 foi de R$ 510.639.730,00, uma queda de aproximadamente R$ 4 milhões quando comparado a 2018.


Para o presidente do Conselho Empresarial de Turismo da Fecomércio (Cetur), Cristiano Rodrigues, este panorama explica a importância do setor. “Esses dados refletem que o Turismo, de fato, pode ser uma ferramenta para o desenvolvimento econômico e geração de emprego. Mesmo com um pequeno aumento em investimentos nos últimos tempos no segmento, foi percebida esta melhoria, o que indica que, se caso, o poder público continue estruturando, incentivando e fomentando o setor nós teremos números ainda melhores, como é o caso de países que conseguiram sair da crise econômica por meio do turismo, a exemplo da Espanha e de Portugal”.

 

*Com informações da Fercomécio/TO