Terça, 29 de Setembro de 2020

Literatura

Escritor Edivaldo Rodrigues lançará seu livro “O Bispo” nesta segunda-feira, na FLIP

Lançamento acontecerá de maneira virtual na 39ª Semana da Cultura de Porto Nacional e 3ª Feira Literária Portuense

Foto: Reprodução
post


13 julho, 2020 às 12:41

O escritor Edivaldo Rodrigues costuma colocar Porto Nacional como universo de sua obra, mas fugiu um pouco disso em seu mais recente trabalho, intitulado “O Bispo”, livro que será lançado nesta segunda-feira, 13, na 39ª Semana da Cultura de Porto Nacional e 3ª Feira Literária Portuense, de maneira virtual.

Essa é sua 14ª publicação e, segundo o autor, é diferente de todas que já fez. “Há muito tempo tento forjar e desenvolver as personagens da história. Depois de decidir as características, demorei 25 dias para escrever o texto principal.” Disse.

“O Bispo” se passa na fictícia Esplanada do Norte e tem como protagonista um religioso poderoso chamado Dom Rafael, que tem ambições de se tornar cardial. Para chegar onde quer, não mede esforços e comete manipulações e crimes devassos. Assassinatos e exploração sexual são alguns dos delitos da personagem.

Como é um homem muito rico, tem boas relações com pessoas do Vaticano, em Roma, e também na capital federal. Através de sua influencia na alta sociedade de Esplanada do Norte, ele e poderosos da cidade encomendam um “limpa”. Prostitutas, pedintes e a população que poderia prejudicar a imagem do município são assassinados, promovendo um banho de sangue naquele chão.

De acordo com Edivaldo, o livro traça um paralelo com nossa realidade atual. “Políticos corruptos e assassinatos sem soluções da nossa sociedade abordei de forma paralela na obra. Além de mostrar que nem todos estão livres de cometer barbaridades, sejam eles os que seguem grandes filosofias religiosas ou que tenham grande influência política”.

Sobre Porto Nacional, o escritor tem na cidade um universo inesgotável de personagens e histórias. “Porto tem cerca de 282 anos de fundação e 159 de Emancipação. Consigo traçar em meus textos acontecimentos históricos alicerçados em personagens reais e fictícias, que atravessam a linha do tempo na construção desta secular sociedade”. Revelou.

“O Bispo” é a 14ª publicação do autor entre livros e crônicas. Veja seu histórico de obras.

“AS CRÔNICAS DO PARALELO 13” – (Crônicas - 2002), “PEDRAS DE FOGO” – ( Romance - 2003),  “...PELAS RUAS E BECOS DE PORTO NACIONAL” – (Crônicas - 2004), “REMINISCÊNCIAS DE UMA CIDADE ESQUECIDA” – (Crônicas - 2007), “PEDRAS DE FOGO”, - (Crônicas – 2007), “UM CONTADOR DE CAUSOS” – (Crônicas - 2008), “PONTAL” – (Romance – 2009),  “ANA RODRIGUES – UM EXEMPLO DE VIDA ENTRE DORES, FLORES E SABORES” – (Memórias 2010), “O ASSASSINATO DO PRESIDENTE” – (Romance – 2012) e  “ASAS DE PEDRAS” – (Crônicas - 2013), “TERRA DE CORONÉIS”, - (Romance – 2015), “A IRMÃ DE DEUS”, - (Crônicas – 2017) e “A LONGA TRAVESSI”, (Romance – 2018), “LADAINHAS, BENDITOS E CABARÉS” – (Crônicas – 2020) e “O BISPO” – (Romance – 2020).